Chás que auxiliam no tratamento do catarro 

Chá de Tanchagem (plantago)

As folhas da tanchagem (Plantago), são ricas em cálcio e outros minerais e vitaminas, mas, especialmente, são ricas em vitamina K, tendo como principio ativo a aucubina, responsável por maior parte de seus efeitos antimicrobianos, anti-inflamatórios e analgésico, possui também a alantoína específica que ajuda na regeneração da pele. Sendo seu uso muito promissor no tratamento de cortes e feridas sangrantes, e por suas propriedades adstringentes, emolientes e fluidificante de catarros tanto no trato respiratório quanto no sistema digestivo – assim, é uma planta muito útil em estados gripais, diarréias e outras dificuldades resultantes de resfriamento ou viroses. Pode ser usado também como auxiliar no tratamento de úlceras de estômago, gastrite e outros processos inflamatórios gastrointestinais ... Ver mais »

Chá de Alcaçuz

A complicada composição química do alcaçuz dá a ele um largo espectro de propriedades. Muitas pesquisas tem comparado sua ação com a hidrocortisona, mas sem seus efeitos colaterais. Como a cortisona, teria o efeito de diminuir as inflamações e aliviar sintomas de artrite e alergias, daí seu efeito anti-histamínico. A raiz possui glicirrizina (cinquenta vezes mais doce que a sacarose), que favorece a formação de hormônio como a hidrocortisona. Mulheres costumam usar alcaçuz para regular os ciclos menstruais, pois favorece o equilíbrio hormonal. Seu uso mais comum é no tratamento de problemas respiratórios, como bronquite, tosse, o acúmulo de catarro e demais sintomas de resfriados devido à ação expetorante.

CUIDADO:
Seu uso é contraindicado em pessoas com pressão arterial alta, problemas cardíacos, doenças renais e níveis baixos de potássio no sangue e mulheres grávidas. ... Ver mais »

Chá de Agrimônia

A Agrimónia é rica em propriedades terapêuticas tais como: adstringente, analgésica, antidiarreica, anti-inflamatória, antimicrobiana, antivirótica, ansiolítica, calmante, cicatrizante, depurativa, diurética, relaxante, hipoglicémica, tônica e vermífuga e age como protetora hepática. sendo na medicina popular para tratamento de feridas na pele, abcessos, cálculo renal, catarro, cistite, cólicas, diarreia, angina, inflamação da garganta, laringite, amigdalite, bronquite, catarro, além de aliviar tosses, gripes e resfriados. ... Ver mais »

Chá de Perpétua roxa

A perpétua roxa tem ação antimicrobiana, antioxidante e anti-inflamatória. Devido às suas propriedades medicinais a perpétua roxa pode ser usada para ajudar no tratamento de situações
dores de cabeça, garganta inflamada, dor de estômago, tosse, laringite, ondas de calor, hipertensão, tosse, alivia sintomas de asma, diabetes, hemorroida e para soltar o catarro. Em decocção pode ser usado como diurético, para diminuir a acidez estomacal, combater as doenças das vias respiratórias, e ajudar na digestão. Combate eficazmente os radicais livres, substâncias responsáveis pelo processo de envelhecimento e outras doenças degenerativas. Reduz o mau colesterol e atua como um calmante natural. ... Ver mais »

Chá de Malvas

A Malva pode ser ingerida em forma de chá, para o tratamento de infeções, prisão de ventre, aftas, bronquite, catarro, dor de garganta, rouquidão, faringite, gastrite, irritação dos olhos, mau hálito, tosse e úlcera. Ainda beneficia o trato urinário, uma vez que atua no tratamento de cistites, infeções urinárias e cálculos renais (no caso, a planta trabalha para curar os canais por onde passaram pedras e que ficaram machucados).

Cuidados:
O chá de malva está contraindicado durante a gravidez e amamentação, quando utilizados em grandes doses pode causar intoxicação. ... Ver mais »